sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Dia Mundial da Música - Caminito

Carlos Loures

Vou fazer outra escolha emocional - "Caminito", um tango cantado pelo grande e eterno Carlos Gardel, patrono (esta escolha é da Carla) da fracção onomástica dos Carlos, verdadeira vanguarda revolucionária da nação estrolábica. Dedicado com amizade às duas partes em que a Humanidade se divide:

a) os Carlos;

b) aqueles que por infelicidade, mau gosto e imperícia dos padrinhos têm outro nome.

13 comentários:

  1. Apesar de eu nutrir um ódio de morte pelos Carlos, não deixo de me congratular com a escolha.

    ResponderEliminar
  2. Vê-se bem que os Carlos estão em decadência. Afinal, isso já cheira a mofo. Até um boião de pomada para os calos aí apareceu.

    ResponderEliminar
  3. Que eu saiba Carla, não é o feminino de Carlos.Mas Luis dá bem com todos.Luis Augusto, Luis Carlos, Luis Clara das Neves...

    ResponderEliminar
  4. Carla é o feminino de Carlos em italiano (Carlo). Em português e em espanhol não existe o equivalente feminino. Carlota, vem também do italiano - Carlotta e é o feminino de Carlotto, nome que em português não se usa. Sei muito da matéria porque tenho aberto à minha frente o volume I do "Dicionário Onomástico e Etimológico", de José Pedro Machado, meu saudoso amigo e pai do nosso João. Portanto, espero ter provado que a Carla está muito bem na fracção onomástica dos Carlos.

    ResponderEliminar
  5. Nem por sombras. Já estive junto do obelisco que se vê na capa do vídeo, ests é, a Av. da Glória, a av. que dividia Buenos Aires em duas. De um lado os terratenentes e do outro o povo.Esta avenida enorme, com são todas as avenidas desta cidade, está cheia de prédios com formas que se adivinham geradas na influência europeia,uma igreja "espanhola" prédios de "soberania" como a Câmara e o governo,passeei aqui até ser parado por uma manifestação gay, de que me só apercebi quando estava no meio deles, com grande galhofa dos Lusos O bairro do tango situa-se aqui próximo, com as ruas cheias de bailarinas e bailarinos, a tirarem fotos com o turista, os acordeons a chorar, as esplanadas, os jovens que pura e simplesmente querem viver na rua..don't cry Argentina!

    ResponderEliminar
  6. Luis Clara Branca das Neves, dá bem com tudo...

    ResponderEliminar
  7. Não gostei de ver o Péron, no meio daquilo. Ao menos punham a Evita ...

    ResponderEliminar
  8. Eu fiquei transtornada com os Carlos que fazem história, se porventura casados com as Carlas, que por obra do Espírito Santo foram também baptizadas de Claras. Para que a confusão pudesse ser outra, vieram as Augustas a darem contexto à história...

    ResponderEliminar
  9. Vou-te chamar a partir de agora Clara e terás a companhia da Clara e da Carla (a minha filha também é Carla). Fico confusa, uma vez respondi ao Luis Moreira achando que havia um só Luis e afinal era o Luis Rocha. Agora vem o Carlos com Gardel, e eu falo é com o Carlos Loures. Este Estrolábio é populado por pares de nomes. Sinto-me sozinha! Sou Maria e ponto final!

    ResponderEliminar
  10. Chama-me Clara II, senão a Castilho fica chateada.

    ResponderEliminar